SalvadorSem Categoria

Após denúncia do BNM, construtora faz esclarecimentos sobre entrega de apartamentos

Após matéria “SONHO QUE VIROU PESADELO: Clientes da Tenda relatam atraso em entrega de imóvel; problema judicial envolvendo a empresa seria principal motivo”, veiculada no Bahia na Mídia, na última sexta-feira (8), a construtora Tenda convocou os futuros moradores do condomínio Colina das Flores, localizado no bairro Nova Brasília, sobre o andamento do empreendimento e prazo de entrega.

Em nota enviada à imprensa, a referida empresa afirmou que apenas dez unidades do total de 640 tinham o prazo de entrega previsto para agosto de 2021 e que as famílias prejudicadas serão indenizadas.

Veja nota completa:

Mantendo o compromisso de transparência, a Construtora Tenda informa que nesta semana se reuniu com os futuros moradores do condomínio Colina das Flores, localizado no bairro Nova Brasília, em Salvador, e também enviou um comunicado a todos para esclarecer sobre o andamento do empreendimento e prazo de entrega.

Apenas dez unidades do total de 640 tinham o prazo de entrega previsto para agosto de 2021. Para estes casos, a Tenda informa que indenizará as dez famílias conforme previsto em contrato. As outras 630 unidades estão dentro do prazo contratual de entrega previsto para dezembro de 2022.

O processo de emissão do Habite-se foi protocolado no final de 2021 e desde o dia 5 de abril está em análise junto à Procuradoria Geral do Município de Salvador, sob o número 5911000000/2021/20975-PR.

Em janeiro de 2021, recebemos com surpresa a informação de que um terceiro passou a alegar, mesmo sem qualquer evidência legal, ser proprietário de uma parte da área a qual pertence o Colina das Flores.

Importante ressaltar que a Construtora Tenda possui uma liminar favorável para sua manutenção na posse do imóvel, emitida em abril de 2021, no processo 800614061.2021.8.05.000, ação de reintegração de posse, em que o Tribunal de Justiça da Bahia reconheceu a empresa como proprietária e possuidora do imóvel.

A companhia já apresentou as documentações legais e evidências técnicas à Prefeitura, como o registro da escritura pública de Compra e Venda em cartório, sob matrícula 15.184, em 16/12/2019, certificada pelo 2º ofício de Registro de Imóveis de Salvador.

A ação judicial ainda está em andamento e como trata-se de uma questão legal, ainda em aberto, a Construtora Tenda conduzirá todas as etapas do processo, até se esgotarem todos os recursos.

A Tenda reitera que mantém contato constante com os moradores e que utiliza de meios oficiais para mantê-los informados de todos os procedimentos que realiza.

Artigos relacionados

2 Comentários

  1. Referente a esta Nota de esclarecimento da Construtora Tenda em momento algum ele mantém Transparência ou Empatia aos moradores do Colina das Flores. Muito pelo contrário só se pronúncia após os Moradores se organizarem e fazer movimentação junto à Construtora é só desrespeito e transformando a nossa vida num verdadeiro caus. Danos Psicológicos e Financeiros. Escondem e omitem informações.

  2. Precisamos de uma posição da construtora Tenda que não tem a decência de nos informar o que está impedindo o empreendimento Colina das Flores de ser entregue. Há boatos que existe um novo processo, dessa vez da empresa Fama contra a construtora Tenda, com relação ao terreno o qual o imóvel está construído, mas nós que financiamos e estamos pagando o apartamento, ficamos sempre com a falta de transparência da construtora. Quase 8 meses após essa última matéria e nada mudou. Não comprem apartamento da Tenda!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo

Desative o bloqueador de anúncios para continuar

Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios